domingo, 19 de maio de 2019

1ª edição do CineFest 360 reúne mais de 1200 pessoas em Curitiba


CineFest 360 - Festival de Cinema é uma realização da 360 WayUp, em parceria com a Pure Flix, 4ª Semana Cultural de Curitiba, Prefeitura e Fundação Cultural da cidade.

No período de 14 a 17 de maio de 2019, o cinema cristão foi reconhecido, valorizado e foi o tema central do CineFest 360 - Festival de Cinema em Curitiba. O intuito do evento era fomentar o mercado cinematográfico cristão e alavancar produções nacionais, a partir de capacitação, troca de experiências, debates sobre o assunto e apresentação de cases para aqueles que desejam ingressar na área. Para Ygor Siqueira, CEO da 360 WayUp, o Festival é uma oportunidade para se qualificar e gerar novos conteúdos para o cinema brasileiro.

“Nunca pensei em realizar um festival, mas o CineFest 360 nasceu pela necessidade de ver mais filmes nacionais com valores cristãos sendo produzidos. Precisamos de profissionais apaixonados por cinema, porém, tudo isso deve acontecer com excelência e rapidamente. O CineFest 360 é um presente a todos nós que queremos ver Cristo sendo exaltado nas telonas do nosso país”, afirma o gestor.

A abertura do Encontro aconteceu no Ópera de Arame, no dia 14, e reuniu mais de 1200 pessoas no local. A programação contou com mostras culturais, homenagens e as novidades do cinema cristão. A Cia de Artes Nissi foi uma das atrações e encenou uma peça inédita, que reuniu muita música e falas que remeteram a filmes que tiveram destaque nas telonas. O Ballet Magnificat também abrilhantou a noite e emocionou o público com o espetáculo "Céu na Terra". A cerimônia de abertura também contou com a presença da cantora Cristina Mel, que ao som do piano ao lado do maestro Moses Gomes entoou a música tema do filme "A Estrela de Belém", “The Star”, e um dos sucessos de sua carreira, "Pra Sempre em Meu Coração”. Alguns parceiros que têm fomentado o cinema cristão no país também foram homenageados com placas de reconhecimento.

Do dia 15 em diante, a locação do evento aconteceu no Cine Guarani. Profissionais do ramo de cinema se reuniram para compartilhar experiências e debater o cenário atual. Foram ministradas palestras que abordaram “Como produzir um filme de qualidade com orçamento low budget?”, “Depois da produção, o que fazer? Como chegar ao boca a boca?” e “Desafios, Processo Criativo, Inovação e Criação de Conteúdo Atrativo”. Já no dia 17, no encerramento, o destaque foi a divulgação do ganhador da competição "Ideia de Ouro", que premiou Ricardo Cioni com a assessoria da 360 WayUp para desenvolver o roteiro de um filme. A ideia de Ricardo é criar o longa “Amei Te Ver”, que conta a história de um garoto surdo, que se apaixona por uma menina cega. Além disso, para fechar a primeira edição do Festival, foi exibido de forma inédita o filme "Quando o Sol se Pôr", com direção de Fábio Farias, da Red Filmes, e participação de nomes conhecidos no elenco, como Priscila Alcântara, Lito Atalaia e Felipe Lancaster.

O mercado cinematográfico cristão tem crescido cada vez mais no Brasil. Milhares de pessoas que professam a fé no cristianismo - ou não - têm ido aos cinemas conferir lançamentos que abordam temas ligados aos princípios cristãos, que falem de amor, paz, fé, família. Um exemplo claro é "Superação - O Milagre da Fé", que ainda está em cartaz e já reuniu um público de mais de um 1.650.000 espectadores. O CineFest 360 levou para Curitiba a proposta de alavancar a produção nacional e despertar ainda mais o público para acompanhar o cinema cristão. O Encontro teve conotação social, a troca dos ingressos foi mediante a doação de um litro de leite, que foram doados para a FAS - Fundação de Ação Social de Curitiba. A acessibilidade para a comunidade surda também foi um diferencial; as atrações foram traduzidas em LIBRAS.

Para quem participou deste primeiro ano, a experiência superou as expectativas, como afirmam Lucas e Rui, que marcaram presença durante todo o evento.

“Muito inspirador! Estou muito feliz por poder participar de tudo isso; creio que levarei esses ensinamentos pela vida toda. E não só na parte do cinema em si, mas em muitas áreas, principalmente, na mais humana possível. Se o CineFest 360 foi um sucesso? Não, foi muito mais que isso!”, declara Lucas.

“Eu resumiria o CineFest 360 com uma palavra por dia. Na terça-feira seria ‘sonho’, na quarta, ‘realidade’, na quinta, ‘convicção, na sexta, o ‘princípio”, pontua Rui.
Segundo Ygor Siqueira, o Festival ultrapassa a proposta de debater o cenário de produção cinematográfica cristã atual, é uma oportunidade para gerar sonhos e impulsionar conquistas.

“Acredito que o Brasil precisa de direção, precisa de fé e muita esperança. Imprimir nossos sonhos, desejos e visões em um filme vai além do que podemos imaginar. O cinema cristão nacional será uma ferramenta poderosa para alcançar e abençoar vidas”, ratifica o CEO da 360 WayUp.

Fonte: Paloma Furtado/ Imprensa 360WayUP

SHARE THIS

0 comentários:

Popular Posts

Cloud Labels

especiais (77)