Our social:

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

ARTE CORE NO MAM DIAS 14 e 15 de Outubro

ARTE CORE - Nova edição terá frente sustentável, estreia de filme e bandas instrumentais
Festival une arte, skate e música em evento gratuito nos dias 14 e 15 de outubro no MAM Rio

Nos dias 14 e 15 de outubro de 2017, a arte, o skate e a música estarão juntos no Arte Core, festival que terá a sua quinta edição no MAM Rio. Nos dois dias, atividades que incluem diferentes manifestações artísticas das três frentes vão ocupar os pilotis, os jardins e pela primeira vez a Cinemateca do Museu. O público de todas as idades poderá acompanhar a programação gratuita, que vai das 10h às 22h. 

Este ano o festival conta com a parceria da empresa Somar, que desenvolveu ações sustentáveis, como a utilização de ecocopos e um sistema sustentável para os banheiros. Também será aplicada a coleta seletiva e haverá a capacitação e inserção de pessoas do polo de reciclagem de Jardim Gramacho para reaproveitar a cenografia utilizada. Além disso, os jardins do Museu serão palco da feira Gaia, que terá expositores locais de marcas ecossustentáveis, comercializando produtos reutilizados, reciclados ou de upcycling.

Há quatro anos ocupando os jardins e os pilotis do MAM Rio e ano passado o foyer, pela primeira vez o Arte Core estará presente na Cinemateca do Museu com a exibição inédita do filme “Santo Amaro Era Skatista”, de Felipe Martins. O longa, coproduzido pela GloboNews e Globo Filmes com a Documenta Filmes, conta a história de Ademar Luquinhas, skatista nascido e criado na comunidade de Santo Amaro que teve sua vida transformada pelo esporte. O público terá a chance de assistir ao filme e participar de debate com o diretor e roteirista Felipe Martins e com o skatista em uma sessão sábado e outra no domingo.

A Homegrown, responsável pelo conceito do festival e curadoria das exposições, selecionou artistas de diferentes cidades, que refletem a escolha pela abrangência de técnicas, estilos e linguagens distintas em obras que vão além do spray e grafite, mas transitam entre diversas vertentes estéticas da arte mundial. Os cariocas Alexandre Baltazar, Guilherme Memi, Leandro Pagliaro e o coletivo Fleshbeck Crew, os paulistas Fabiano Rodrigues, Herbert Baglione, Julia Furuyama, Rafael Hayashi, o pernambucano Bozó Bacamarte, a gaúcha Carla Barth e a mineira Criola, pintarão paineis, com classificação 18 anos. Já Mario Bands e o Coletivo Muda do Rio de Janeiro e o paulista Renato Custódio farão instalações.

O espaço contará ainda com exposições de gravuras a preços acessíveis: “Expo A3” da qual Bozó Bacamarte e Guilherme Memi também participam junto aos cariocas Bruno Big, João Lelo, Marcio SWK e Ronaldo Land; “Expo Gravuras 04” apresentará o trabalho de artistas mulheres de destaque na arte urbana, com a baiana Ananda Nahu, as cariocas Marianna Cersosimo e Paula Gicovate, a gaúcha Talita Hoffmann, a paulista Fefe Talavera, além de Carla Barth, Criola e Julia Furuyama. Já Mateu Velasco apresenta Coleção de Múltiplos “Visão Dupla”.

No comando das carrapetas, DJ Tamenpi, do Só Pedrada Musical, que assina a curadoria musical do Arte Core, convida os DJs David Tabalipa, Nepal, Zedoroque, Tata Ogan, Tamy e o rapper Bnegao, que farão sets especiais inspirados no jazz dentro da programação musical no sábado e e no domingo. Nesta edição, Tamenpi aproveitou o bom momento da nova música instrumental brasileira para trazer a banda paulista Nomade Orquestra e os cariocas da Zé Bigode, que contarão com um grande palco para as apresentações.

A agenda também compreende oficinas ministradas pela SOLTO, com a presença dos artistas Rodrigo Villas, João Lelo, Guga Liuzzi, Mottilaa, Bozó Bacamarte, do fotógrafo Ronaldo Land e do coletivo Fleshbeck Crew. O festival contará com uma grande praça de alimentação, com food trucks, e o registro dos dois dias de festival ficará a cargo do I Hate Flash.

O Arte Core é uma organização MAM Rio, Homegrown e Agência Macro | Lei de Incentivo à Cultura | Itaipava Premium | Realização Ministério da Cultura, Governo Federal - Brasil: Pátria Educadora. É apresentado por Itaipava Premium com apoio de TNT Energy Drink, Viação Cometa e Evoke. O evento foi idealizado pela Homegrown, em parceria com a Agência Macro, também realizadores do projeto junto ao MAM Rio, Só Pedrada Musical, Coletivo XV e Rio Ramp Design.


Programação:

Arte / Homegrown
Artistas paineis: Alexandre Baltazar (RJ), Bozó Bacamarte (PE), Carla Barth (RS), Criola (MG), Fabiano Rodrigues (SP), Fleshbeck Crew (RJ), Fernando De La Rocque (RJ), Guilherme Memi (RJ), Herbert Baglione (SP), Rafael Hayashi (SP),Leandro Pagliaro (RJ) e Julia Furuyama (SP).

Instalações: Coletivo Muda (RJ), Renato Custódio (SP) e Mario Bands (RJ).

Exposições de gravuras: “Expo A3” com Bruno Big, Bozó Bacamarte, João Lelo (RJ), Marcio SWK (RJ), Guilherme Memi e Ronaldo Land (RJ); “Expo Gravuras 04” com Ananda Nahu (BA), Carla Barth, Criola, Fefe Talavera (SP), Julia Furuyama, Marianna Cersosimo (RJ), Paula Gicovate (RJ) e Talita Hoffmann (RS); Exposição Coleção de Múltiplos “Visão Dupla”, por Mateu Velasco.

Bate-papo com artistas em frente aos paineis:
Sábado 14/10
14h -  Rafael Hayashi
14h30 - Julia Furuyama
15h - Criola
15h30 - Herbert Baglione
16h - Carla Barth
16h30 - Bozó Bacamarte
17h - Renato Custódio
Domingo 15/10
14h -  Alexandre Baltazar
14h30 - Fernando De La Rocque
15h - Fleshbeck Crew
15h30 -  Coletivo Muda
16h – Leandro Pagliaro
16h30 - Mario Bands
17h - Guilherme Memi

Mesa redonda com artistas e convidados na Cinemateca do MAM Rio:
Sábado 14/10 às 15h-16h - A arte como um movimento da sustentabilidade  - comandada pela agência especializada em impacto socioambiental, Agência Somar, RIO+, ONU e convidados.
Domingo 15/10 às 15h-16h - Arte e Cultura na Diáspora - com o músico e pesquisador Antonio Spirito Santo, o artista plástico e percussionista Negalê Jones,  a designer de moda Izabella Suzart e a artista Viviane Laprovita. Mediação: Of Color.

Skate / Coletivo I Love XV
Sábado e Domingo - 14 e 15/10 

10h às 12h - Homegrown - Oficina de Skate   
15h às 16h – Coletivo I Love XV - "Malote-Trick" - melhor manobra valendo prêmio em dinheiro

Bate-papo com Coletivo I Love XV
Sábado e Domingo - 14 e 15/10 às 14h em frente à instalação

Exibição do filme "Santo Amaro Era Skatista" na Cinemateca do MAM Rio:
Sábado e Domingo 15/10, às 16h - Distribuição de senhas na porta; Sujeito à lotação.
Em seguida, debate com o diretor e roteirista Felipe Martins e com o skatista Ademar Luquinhas.

Música / Daniel Tamenpi - Só Pedrada Musical
Sábado 14/10
17h -  DJ Tamenpi
18h -  show: Nomade Orquestra
19h -  Tata Ogan
20h -  David Tabalipa
21h -  Nepal
Domingo 15/10
17h -  DJ Tamenpi
18h -  show: Zé Bigode
19h -  Tamy
20h -  Zedoroque
21h – Bnegao Bota Som

Oficinas SOLTO
Sábado - 14/10
10h00 - Desenho para crianças com Rodrigo Villas
11h40 - Mosaicos para crianças com João Lelo
13h20 - Tipografia com Guga Liuzzi
15h00 - Grafite com Fleshbeck Crew
Domingo - 15/10
10h00 – Ilustração para crianças com Mottilaa
11h40 - Gravura em pvc com Bozó Bacamarte
13h20 – Grafite com Antistatic/Motolow
15h00 – Fotografia com Ronaldo Land e Cochi

1001 Histórias com Arte apresenta:
Oficinas de criatividade artística para crianças
Sábado - 14/10 1001 Espetáculos apresenta:
10h - Espetáculo: A História de Mamalu e Lumama. Cia: Corre Cutia
"A História de Mamalu e Lumama" é um trabalho livremente inspirado na música "Mamalu" da cantora e contadora de histórias Bia Bedran. Tanto a música quanto a história original falam da maternidade, do afeto entre mãe e filha e da beleza desse vínculo amoroso construído desde o primeiro momento da vida do bebê, lá dentro da barriga. Na versão do Corre Cutia, a saga narra a história da lobinha guará solitária que, desde que nasceu se apaixonou pela lua e um dia decide ir ao seu encontro pois acreditava que esta era a sua mãe.
Domingo, 15/10
11h Espetáculo: Cacuriança. Cia: As Três Marias. Sinopse: performance musical com dança, canto e histórias, pensada para o público infantil a partir de cantigas lúdicas que tecem brincadeiras cantadas com movimentos interativos.

Serviço:
Arte Core
Data: 14 e 15 de outubro de 2017
Horário de visitação: Das 10h às 22h
Endereço: MAM Rio (Av. Infante Dom Henrique, 85 - Parque do Flamengo)
Telefone: 3883-5600.
Entrada Gratuita / Classificação livre
OBS: O MAM Rio oferece um ingresso família (R$14 para até 5 pessoas) para todos que visitarem o museu durante os dias do Arte Core

Fonte: Julia Moura/ Primeiro Plano Assessoria de Imprensa

Popular Posts

Google+ Followers