Our social:

terça-feira, 5 de julho de 2016

TV Brasil exibe clássico "Gosto de Cereja" em tributo ao diretor iraniano Abbas Kiarostami neste domingo (10/7)


Drama vencedor da Palma de Ouro no Festival da Cannes é considerado a obra-prima da filmografia do cineasta

Em homenagem ao cineasta Abbas Kiarostami que faleceu na última segunda-feira (4/7), a TV Brasil apresenta neste domingo (10/7), à meia-noite, no Ciclo de Cinema Iraniano, o drama “Gosto de Cereja” (1997), obra-prima da filmografia do diretor que foi reconhecido com a Palma de Ouro no Festival de Cannes.

A partir da segunda semana de julho, aos domingos, à meia-noite, a emissora exibe a faixa dedicada aos longas iranianos. Com uma seleção que reúne algumas das mais relevantes produções de grandes diretores do Oriente Médio, o Ciclo de Cinema Iraniano contempla cinco filmes do país asiático.

Além de “Gosto de Cereja”, do diretor Abbas Kiarostami, a sessão inclui dois dramas do consagrado cineasta Mohsen Makhmalbaf: o elogiado “Gabbeh”, premiado em vários festivais internacionais de cinema e previsto para ir ao ar no dia 17/7, e o sensível e poético “O Silêncio”, que recebeu a Medalha de Ouro do Senado Italiano no Festival de Veneza.

Ainda formam a sessão o longa “A Maçã”, de Samira Makhmalbaf, filha do diretor Mohsen Makhmalbaf, e o comovente drama “Tempo de Cavalos Bêbados”, do cineasta Bahman Ghobadi, ex-assistente de direção de Abbas Kiarostami. Ele conquistou a Câmera de Ouro no Festival de Cannes de 2000, prêmio concedido a diretores estreantes.

"É uma oportunidade raríssima, senão inédita na televisão brasileira, de podermos ver uma das cinematografias mais elogiadas do mundo. Todos os filmes têm qualidades para agradar não só o público cinéfilo, como aos espectadores de uma forma geral", explica o gerente de Aquisições Internacionais da TV Brasil, José Zimmerman.


Sinopse de "Gosto de Cereja"

Sr. Badii é um homem de meia idade amargurado que deseja morrer, mas vive em uma sociedade onde o suicídio é considerado uma abominação. Ele busca conhecer alguém que possa enterrá-lo em buraco e confirmar se ele está mesmo morto.

Dirigindo pelas colinas acima de Teerã, ele conhece diversos personagens: afegãos, curdos, turcos, prisioneiros do deserto, um soldado, um estudante seminarista e o empregado de um museu.

Essas pessoas também vivem mais ou menos à margem da sociedade e recebem a proposta de Badii com reações variadas. Cada um apresenta suas razões para rejeitar a proposta de ajudá-lo nessa atitude: medo, escrúpulos religiosos e repulsa humanista por uma vida deliberadamente desperdiçada.

Vencedor da Palma de Ouro no Festival da Cannes, o drama “Gosto de Cereja” é considerado a obra-prima do cineasta iraniano Abbas Kiarostami e um dos filmes mais importantes da década de 1990. A narrativa do road movie estimula a reflexão enquanto o protagonista circula pelas paisagens áridas de Teerã.

Ficha técnica
Título original: Ta'm e guilass. País de origem: Irã. Ano: 1997. Gênero: drama. Direção: Abbas Kiarostami, com Homayoun Ershadi, Abdolrahman Bagheri, Afshin Khorshid Bakhtiari. Classificação indicativa: 12 anos. Duração: 98 min.

Serviço:

Ciclo de Cinema Iraniano - "Gosto de Cereja" – de domingo (10) para segunda-feira (11) à meia-noite, na TV Brasil.


Fonte: Fernando Chaves
Coordenador de Comunicação
Gerência de Comunicação
Empresa Brasil de Comunicação | TV Brasil | Rádios Nacional e MEC 

Popular Posts

Google+ Followers