Our social:

quarta-feira, 20 de abril de 2016

filme sobre maior lutador brasileiro do MMA tem direção de Afonso Poyart


"Mais Forte que o Mundo - A História de José Aldo" conta com José Loreto, Cleo Pires, Jackson Antunes, Claudia Ohana e grande elenco.

Dirigido por Afonso Poyart (2 CoelhosPresságios de um crime), Mais Forte que o Mundo - A História de José Aldo, estrelado por José Loreto, acaba de ganhar cartaz oficial. O filme, com roteiro de Afonso Poyart e Marcelo Rubens Paiva, é produzido pela Black Maria e Paris Produções, com coprodução da UFC, Globo Filmes, Universal e Combate. O lançamento está marcado para 16 de junho, com distribuição da Paris Filmes e Downtown Filmes.

No longa, acompanhamos a origem humilde do lutador, na periferia de Manaus, e sua ida para o Rio de Janeiro em busca de uma chance na academia de Jiu-Jítsu de Dedé Pederneiras, atual treinador do atleta. O filme narra as vitórias e derrotas de um dos maiores nomes brasileiros do MMA. “É um filme com dois momentos. O primeiro, logo no começo, mostra Manaus sob uma perspectiva que aborda a cidade como um ambiente escuro, de pesadelo, com uma direção de arte em tons de vermelho. O segundo, centrado no Rio de Janeiro, retrata a virada pessoal de Aldo, sendo mais solar, iluminada, marcada pela vitória”, resume o diretor Afonso Poyart.

Em Mais Forte que o Mundo - A História de José Aldo, Cleo Pires interpreta Vivianne Oliveira, ex-lutadora e esposa de Aldo. Seus pais, Seu José e Dona Rocilene, são vividos por Jackson Antunes e Claudia Ohana, respectivamente. O lutador Marcos Loro é interpretado por Rafinha Bastos, Dedé Pederneiras, por Milhem Cortaz, e o professor de Jiu-Jítsu Mestre Marcinho, por Paulo Zulu. Rômulo Neto e Paloma Bernardi vivem Fernandinho e Luiza. O filme conta ainda com as participações especiais de Felipe Titto, Thaila Ayala, entre outras.

Sinopse
Baseado na história do expoente do MMA brasileiro José Aldo, o filme mostrará a vida de superação do lutador. Aldo vem de uma família grande e pobre de uma periferia de Manaus. Lutou para construir uma carreira de sucesso e passou por escolhas muito difíceis. Quando tem a oportunidade de lutar nos principais ringues da modalidade, José Aldo revela ser bem maior do que todos imaginavam. 

Elenco
José Loreto: José Aldo
Cleo Pires: Vivianne
Milhem Cortaz: Dedé Pederneiras
Jackson Antunes: Seu José (pai do Aldo)
Claudia Ohana: D. Rocilene (mãe do Aldo)
Rômulo Neto: Fernandinho
Paloma Bernardi: Luiza
Thaila Ayala: Laura
Rafinha Bastos: Marcos Loro
Felipe Titto: Tony
Paulo Zulu: Mestre Marcinho

Ficha técnica
Dirigido por: Afonso Poyart
Roteiro: Afonso Poyart e Marcelo Rubens Paiva
Produção: Black Maria e Paris Produções
Produtores: Afonso Poyart
                      Sandi Adamiu
                      Marcio Fraccaroli
                      Diane Maia
Produtor associado: Fernando Meirelles
Coprodutores: Eduardo Galetti e Giovani Decker
Produção Executiva: Angela Farinello e Soraia Santiago
Coordenação Executiva: Anna Angelica e Sara Pavan
Produção de Linha: Lena Kopf
Direção de Fotografia: Carlos Zalasik
Direção de Arte: Marinês Mêncio
Figurino: Aline Canella
Visagista: Ragnel Vandelli
Maquiagem Efeitos: Mari Figueiredo
Assistente de Direção: Janaina Cabello
Som Direto: Tide Borges e Lia Camargo
Produção de Elenco: Agnaldo Baliza e Gabi Campana
Montagem: Lucas Gonzaga
Mixagem: Rodrigo Ferrante e André Tadeu
Música: por BT
Trilha Sonora Original: Samuel Ferrari e Felipe Junqueira
                                        Milton Miné
Coordenação Pós Produção: Marcio Faurer
Realização: FSA (Fundo Setorial do Audiovisual), Ancine,  BRDE, Lei de Incentivo a Cultura, Ministério da Cultura , Governo Federal- Pátria Educadora,  Proac SP,  Governo do Estado de São Paulo
Distribuição: Paris Filmes e Downtown Filmes
Coprodução: UFC, Globo Filmes, Universal e Combate
Patrocínio: Netshoes, E.M.S, TNT, Vitafor
Apoio: Venum + Gurik

Sobre o diretor
Afonso Poyart ganhou rápida projeção no cinema com sua estreia na direção de "2 Coelhos", que ele escreveu, coeditou e produziu.

Começou sua carreira como um animador e motion designer,  anos mais tarde criou a Black Maria onde se concentrou na direção de comerciais. Sua carreira e empresa cresceram lado a lado desde então, entregando comerciais para grandes agências e clientes nacionais e internacionais.

Afonso ganhou quatro vezes o prêmio Profissionais do Ano da Rede Globo por seu trabalho em publicidade, além de inúmeras indicações no VMB da MTV por videoclipes dirigidos para importantes artistas. Seu primeiro curta-metragem "Eu te darei o céu", foi um dos curtas mais premiados de 2005, com destaque para quatro troféus no Festival de Gramado e Festival do Rio.

Depois do sucesso de "2 Coelhos", Poyart foi contratado para dirigir o thriller paranormal "SOLACE", uma produção Hollywoodiana de 30 milhões de dólares, estrelado por Anthony Hopkins e Colin Farrel. "SOLACE" já foi lançado mundialmente com o título "Presságios de um crime".

Sobre a produtora
Apoiada em um expertise de mais de uma década de trabalho no mercado publicitário, a Black Maria combina infraestrutura de produção própria e pessoal in house visando à otimização de custos e prazos na execução das etapas de produção. A operação inclui a Mary Post, braço interno da empresa especializado em pós-produção e efeitos especiais.
A produtora também atua localmente na região Sul, com sua filial Black Sul, que vem se destacando como uma das produtoras mais ativas do mercado.

Além da vasta produção de filmes publicitários, a produtora tem fortalecido sua atuação na área de conteúdo. Em 2012, a Black Maria lançou seu primeiro longa-metragem, “2 Coelhos”, distribuído em mais de 200 cinemas brasileiros. O filme ganhou rápido destaque, garantindo um remake e distribuição no mercado norte-americano.

A produtora avança na realização de novos projetos na área de entretenimento, produziu em 2015 o longa “Mais Forte que o Mundo - A História de José Aldo”, em parceria com a Paris Filmes e Globo Filmes e prepara um line up sólido de projetos para cinema e TV premium para os próximos anos.

Este ano, Afonso Poyart dirigiu seu primeiro longa internacional, o thriller “SOLACE”, lançado com o título de “Presságios de um crime”, produção Hollywoodiana de 30 milhões de dólares, estrelado por Anthony Hopkins e Colin Farrel.

Em 2016, a Black Maria será responsável pela produção do longa de comédia “Deus Não Erra”, junto com a Universal Pictures.

Fonte: Primeiro Plano Assessoria/ Júlia Moura.

Imprensa (2)Trailer/Divulgação

Imprensa (3) Teaser Trailer

Popular Posts

Google+ Followers