quinta-feira, 24 de fevereiro de 2022

Festival Visões Periféricas divulga filmes vencedores da sua 15ª edição

 



O Festival Visões Periféricas é uma plataforma de difusão de filmes de curta, média e longa-metragem e desenvolvimento de projetos audiovisuais produzidos nas múltiplas periferias brasileiras. A 15ª edição do festival aconteceu entre os dias 15 e 21 de fevereiro de 2022 com formato presencial / on-line e gratuito para todo o Brasil. O festival esse ano exibiu, ao todo, 48 filmes de longas-metragens, médias e de curtas-metragens exibidos em 4 Mostras Competitivas: Fronteiras Imaginárias,  Cinema da Gema,  Panorâmica e Visorama.  A idealização do festival é de Marcio Blanco e a curadoria é de Kamilla Medeiros, Rosa Miranda, Lukas Nascimento e Marco Antônio.

 

Além das Mostras, o festival realiza o Visões Lab, que consiste num laboratório de desenvolvimento de projetos de longas de ficção que receberam uma mentoria nas áreas de roteiro, direção e produção executiva. Os projetos dos participantes, selecionados em 2021 passarão por uma rodada de pitching com players do mercado ao final do projeto. Os projetos vencedores receberão prêmios em dinheiro e prestação de serviço.

 

No dia 21 de fevereiro, dia do encerramento, o festival divulgou os filmes vencedores da 15ª edição e o filme selecionado no Visões LAB.

 

 

 

 

VISÕES LAB 

 

1º lugar: 

 

  • Babando o Ovo foi o vencedor do Pitching do Visões Lab, eleito por uma banca composta por representantes de canais de TV e Streaming, especialistas e profissionais do mercado audiovisual, realizado no dia 18 de fevereiro de 2022 de modo online durante a 15ª edição do Festival Visões Periféricas.

 

O projeto recebe o Prêmio CIARIO no valor de R$10.000,00 (Dez mil reais) em locação de Iluminação, acessórios e maquinaria, da empresa NAYMAR e Valor de  R$ 3.000,00 pela VideoFilmes.

 

2º lugar: 

  • Julia se destacou em segundo lugar no Pitching do Visões Lab, eleito por uma banca composta por representantes de canais de TV e Streaming, especialistas e profissionais do mercado audiovisual, realizado no dia 18 de fevereiro de 2022 de modo online durante a 15ª edição do Festival Visões Periféricas.

 

O projeto recebe o valor de  R$  2.000,00 pela VideoFilmes



MOSTRAS VOTO JÚRI OFICIAL 

 

CINEMA DA GEMA 

Júri: Marinete e Mariana 

 

Melhor filme:

  • República do Mangue

O júri oficial do 15º Festival Visões Periféricas 2022 concede o prêmio de Melhor Filme da Mostra Cinema da Gema ao filme  República do Mangue de Julia Chacur, Mateus Sanches Duarte e Priscila Serejo.

 

Pelo tratamento delicado e criativo do material de arquivo, por revelar uma história com um olhar sobre a memória com abordagem inovadora, trazendo em reflexão e discussão a ocupação dos espaços, pela sensível e dinâmica trilha sonora o Júri concede o prêmio de melhor filme da Mostra Cinema da Gema ao curta República do Mangue.

 

Além do Troféu Mostra Cinema da Gema, a equipe também recebe o Prêmio CIARIO no valor de R$8.000,00 (oito mil reais) em locação de equipamentos de iluminação, acessórios e maquinaria, da empresa NAYMAR, e um Encode DCP para curta metragem de até 30 minutos pela Link Digital.






Menção honrosa

  • Umbanda - Alma Antiga do novo mundo

O júri oficial da mostra competitiva Cinema da Gema do 15º Festival Visões Periféricas 2022 concede Menção Honrosa ao filme Umbanda - Alma Antiga do Novo Mundo de André Sampaio e Renata Than. 

 

Pela criatividade no recorte dos personagens, pelo olhar sensível e delicado sobre eles, pela delicadeza da fotografia e por propor um diálogo afetivo e próximo entre tempos, mundos e seres díspares, complexos e únicos é que o Júri concede a Menção Honrosa ao filme Umbanda - Alma Antiga do Novo Mundo.




  • Lina (para as atrizes).

O júri oficial da mostra competitiva Cinema da Gema do 15º Festival Visões Periféricas 2022 concede Menção Honrosa às atrizes Monique Meneses, Lisa Castro e Eve Penha do filme Lina de Melise Fremiot.

 

Pela expressiva e cativante atuação, pelo desempenho emotivo colaborando de forma ímpar na construção narrativa do filme, propiciando um interesse pela história o Júri concede a Menção Honrosa as atrizes Monique Meneses, Lisa Castro e Eve Penha do filme Lina.



FRONTEIRAS IMAGINÁRIAS

 

Melhor filme: 

  • Airão Velho, Sayonara

O júri oficial do 15º Festival Visões Periféricas 2022 concede o prêmio de Melhor Filme da Mostra Fronteiras Imaginárias ao filme Airão Velho, Sayonara de Sandro Vilanova.

 

Pelo arrojo da proposta narrativa e estética que irrompe o limite entre documentário e ficção, pela força do personagem e da construção da imagem - cada sequência é um deleite visual, pelo desenho de som que se apropria do ambiente e faz da mata uma potente trilha sonora, por deslocar nosso olhar e propor novas leituras a partir do conceito de periferia.  

 

Além do troféu Mostra Fronteiras Imaginárias, a equipe também recebe o Prêmio CIARIO no valor de R$ 8.000,00 (oito mil reais) em locação de equipamentos de iluminação, acessórios e maquinaria; da empresa NAYMAR,  e um Encode DCP para curta metragem de até 30 minutos pela Link Digital.




Menção honrosa: 

  • Via Láctea

O júri oficial da mostra competitiva Fronteiras Imaginárias do 15º Festival Visões Periféricas 2022 concede Menção Honrosa ao filme Via Láctea de Thiago Almasy.

 

Pela qualidade do elenco e atuações, pela maturidade do roteiro, fotografia inventiva, pela reflexão social através de uma narrativa de ficção científica racial - gênero pouco explorado no cinema nacional, por reafirmar a força e a multiplicidade do cinema baiano e pelo frescor da realização.



  • A última Valsa

O júri oficial da mostra competitiva Fronteiras Imaginárias do 15º Festival Visões Periféricas 2022 concede Menção Honrosa ao filme A Última Valsa de André Srur.

 

Pela delicadeza do roteiro, pelo elenco, pela mise en scène e, principalmente, por não temer nem fugir do melodrama, base fundamental do audiovisual popular brasileiro.



  • Trabalho é Campo de Guerra 

O júri oficial da mostra competitiva Fronteiras Imaginárias do 15º Festival Visões Periféricas 2022 concede Menção Honrosa ao filme Trabalho é Campo de Guerra de Pedro Carcereri.

 

Pela forma que trata um tema tão atual, um híbrido entre documentário e videoarte para falar do mundo do trabalho e seu processo de destruição pela exploração em um país cada vez mais sucateado no âmbito dos direitos e respeito ao ser humano como força motriz de uma economia.



  • Eu Temo Que Não Amanheça.

O júri oficial da mostra competitiva Fronteiras Imaginárias do 15º Festival Visões Periféricas 2022 concede Menção Honrosa ao filme Eu Temo que não Amanheça de Cainã Siqueira.

 

Pela interessante narrativa de autoconhecimento e reflexão sobre a questão racial de quem tem menos melanina, e pela consciência do "lugar de fala" dos negros e afro descentes no Brasil trazendo esse debate de forma leve e particular.




PANORÂMICA 

Júri: Fernando e Daniela

 

Melhor filme:

  • Jambalaia

O júri oficial do 15º Festival Visões Periféricas 2022 concede o prêmio de Melhor Filme da Mostra Panorâmica ao filme Jambalaia de Breno Moreira.

 

Se as estatísticas sobre a falta de moradia revelam em 2022, que cerca de 20% da população brasileira sofre com essa questão, as imagens e depoimentos mostrados no documentário ganham força por trazer a presença de homens, mulheres e crianças, que matizam na história de suas vidas, a ausência ou precariedade da presença do poder público na diminuição deste fosso social. 

 

O filme recebe Troféu Mostra Panorâmica e o Prêmio CIARIO no valor de R$ 15.000,00 (quinze mil reais) em locação de equipamentos de iluminação, acessórios e maquinaria da empresa NAYMAR. 

 

Menção honrosa: 

  • No rastro das cargueiras

O júri oficial da mostra competitiva Panorâmica do 15º Festival Visões Periféricas 2022 concede Menção Honrosa ao filme No rastro das cargueiras de Carol Matias.

 

Brasília é cortada por ruas asfaltadas, dominadas pelo transporte privado. Os carros buzinam demonstrando incômodo com as bicicletas cargueiras, que seguem abarrotadas de material reciclável, dispensado no lixo pela população. Mostrando que a sua condução se dá por uma maioria de migrantes nordestinos, o filme denuncia a singular e histórica desigualdade presente na capital do Brasil. 



VISORAMA 

 

Melhor filme:

  • Preconceito no futebol

O júri oficial do 15º Festival Visões Periféricas 2022 concede o prêmio de Melhor Filme da Mostra Visorama ao filme Preconceito no futebol de Daniele Farias, Rhayanne Ketyne,  Manoel Ramos e Matheus Souza.

 

Preconceito no futebol é uma narrativa fundamental e contemporânea, aborda de forma sensível o enfrentamento de meninas para garantir a prática do futebol. Um filme necessário e urgente. 

 

O vencedores ganham Troféu Mostra Visorama e o Prêmio EDINA FUJII - CIARIO no valor de R$ 8.000,00 (quinze mil reais) em locação de equipamentos de iluminação, acessórios e maquinaria da empresa NAYMAR. 

 

Menção honrosa: 

  • Mind the gap

O júri oficial da mostra competitiva Visorama do 15º Festival Visões Periféricas 2022 concede Menção Honrosa ao filme Mind the Gap de Andrei Cruz, Beatriz Oliveira, Caio Rabello, Joanderson Souza, Richard Nathan Salinas, Vivian da Cruz e Wesley Borges.

 

Mind the gap é um filme realizado por estudantes e professores de muita coragem e força. Emocionante e corajoso! Voem e continuem fazendo cinema!

 

PRÊMIO DE AQUISIÇÃO ELO COMPANY



  • Sementes da Retomada

E a Elo Company e o júri oficial do 15º Festival Visões Periféricas 2022 concede o Prêmio de Aquisição Elo Company ao filme Sementes da Retomada de Marcelo Curia.

 

O que acontece quando sons que são conformados por um fluxo encontram uma experiência artística acostumada ao compasso? O Coral Araí Ovy e o Conjunto La Digna Rabia nos mostram no documentário que, a única saída possível, encontra-se na escuta do outro, exigindo para isso um grande exercício de alteridade. 

 

O Prêmio de Aquisição Elo Company consiste na representação comercial em território nacional da obra escolhida pelo período de um ano. 



MOSTRAS VOTO JÚRI POPULAR 

 

CINEMA DA GEMA 

 

E  o júri popular do 15º Festival Visões Periféricas 2022 elege o filme LINA de  Melise Fremiot como o Melhor filme da Mostra Cinema da Gema. 

 

FRONTEIRAS IMAGINÁRIAS 

 

O júri popular do 15º Festival Visões Periféricas 2022 elege o filme Te Encontro em Sonho de Beatriz Belo como o Melhor filme da Mostra Fronteiras Imaginárias. 

 

PANORÂMICA 

O júri popular do 15º Festival Visões Periféricas 2022 elege o filme Revelação do Peixe de Gabriel Figueira e Niedya Lobato como o Melhor Filme da Mostra Panorâmica.

 

VISORAMA 

O júri popular do 15º Festival Visões Periféricas 2022 elege o filme Mind The Gap de Andrei Cruz/ Beatriz Oliveira/ Caio Rabello/ Joanderson Souza/ Richard Nathan Salinas/ Vivian da Cruz/ Wesley Borges como o Melhor filme da Mostra Visorama. 

 

O 15º Festival Visões Periféricas teve o patrocínio da Prefeitura Municipal de Niterói e a Secretaria Municipal das Culturas (SMC) e com o apoio da Prefeitura do Rio, por meio da RioFilme, órgão que integra a Secretaria Municipal de Governo e Integridade Pública (SEGOVI).

 




  FONTE: RoMa in Press - Roberta Mattoso Comunicação & Imprensa

SHARE THIS

0 comentários:

AGENDA (Festivais, mostras, concursos)

EVENTOS (Teatro, música, audiovisual)

ARTES E ARTISTAS (EVENTOS, LANÇAMENTOS, CURSOS)

LITERATURA (Eventos, Lançamentos, Dicas de leitura)

CINECLUBES (PROGRAMAÇÃO, EVENTOS)

Arquivo do blog

Cloud Labels

especiais (101)