sexta-feira, 13 de dezembro de 2019

Diretor Emilio Maille estará no Festival do Rio para as sessões de POETAS DO CÉU


O diretor da coprodução México, Brasil e França, POETAS DO CÉU, Emilio Maille, estará presente no Festival do Rio para as sessões do filme nos dias 16 e 18 de dezembro, no Estação Net Rio.

O mexicano Emilio Maille fez sua estreia na direção com o média ‘Los Años Arruza’, dirigiu documentários para a televisão na França e no México, e os filmes ‘Um Buñuel Mexicano’, ‘Rosario Tijeras’ e ‘Miradas Múltiplas – O Universo de Gabriel Figueroa’ 

O longa que será exibido na Première Latina do Festival do Rio, tem previsão de estreia no Brasil no primeiro semestre de 2020, distribuído pela Pandora Filmes.

SINOPSE 
Através de uma viagem pelo mundo da pirotecnia, Poetas do Céu nos mostra os criadores mais relevantes dessa arte em seu processo criativo e emotivo, retrata a paixão e a emoção que reúnem esses artistas, enquanto descobrimos alguns dos principais festivais ligados a essa arte. O filme nos transporta inconscientemente a uma reflexão sobre a vida, aquela onde o céu se assemelha a uma tela de cinema e onde os fogos de artifício se convertem em suas imagens. Depois, tudo desaparece, mas permanece na memória.

FICHA TÉCNICA 
POETAS DO CÉU, de Emilio Maille
Poetas del Cielo
México, Brasil, França, 102min, 2018  
Documentário
Produção: Querosene Filmes, El Caiman, Itaca Films e La Femme Endormie
Previsão de estreia: primeiro semestre de 2020

SOBRE A PANDORA FILMES 
A Pandora é uma distribuidora de filmes independentes que há 30 anos busca ampliar os horizontes da distribuição de filmes no Brasil revelando nomes outrora desconhecidos no país, como Krzysztof Kieślowski, Theo Angelopoulos e Wong Kar-Wai, e relançando clássicos memoráveis em cópias restauradas, de diretores como Federico Fellini, Ingmar Bergman e Billy Wilder. Sempre acompanhando as novas tendências do cinema mundial, os lançamentos recentes incluem “The Square – A Arte da Discórdia”, de Ruben Östlund e “Parasita”, de Bong Joon Ho, vencedores da Palma de Ouro no Festival de Cannes.

Paralelamente aos filmes internacionais, a Pandora atua com o cinema brasileiro, lançando obras de diretores renomados e também de novos talentos, como Gustavo Steinberg, Ruy Guerra, Edgard Navarro, Sérgio Bianchi, Roberto Moreira, Beto Brant, Fernando Meirelles, Helena Ignez, Tata Amaral, Anna Muylaert, Petra Costa e Gabriela Amaral Almeida e Armando Praça.

Em 2019, a distribuidora criou o projeto Caixa de Pandora que visa programar filmes premiados, escolhidos através de uma cuidadosa curadoria para serem exibidos em salas comerciais da rede Cinépolis, em 20 cidades do Brasil. 

Fonte: Sinny Assessoria

SHARE THIS

0 comentários:

Popular Posts

Cloud Labels

especiais (77)