Our social:

quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Diretora Ana Katz filma coprodução com elenco internacional em Floripa


Coprodução entre Brasil, Argentina e França estreia nos cinemas dias 15 de novembro

Escrito e dirigido por Ana Katz, "SUEÑO FLORIANÓPOLIS"  traz a história de uma família que viaja da Argentina para o Brasil em busca de reconexão entre si. Com estreia marcada no dia 15 de novembro, o longa conta com os atores brasileiros Andréa Beltrão, Caio Horowicz, Marco Ricca, e os argentinos Mercedes Morán, Gustavo Garzón, Manuela Martinez e Joaquin Garzon no elenco.
 
Na trama, Gustavo Garzón vive Pedro e Mercedes Morán dá vida a Lucrécia, um casal separado depois 22 anos de casamento que decide viajar de férias com os dois filhos adolescentes rumo ao litoral Sul do Brasil. Motivados pelo câmbio favorável, caem na estrada em um Renault 12, sem ar-condicionado, e viajam 1.750 km até Florianópolis (Santa Catarina). Juntos, porém separados, conhecem Marco (Marco Ricca) e Larissa (Andrea Beltrão). Pouco a pouco vão reconfigurando suas relações familiares, de afeto e de desejo.
 
Para a diretora, o filme propõe uma intimidade com os personagens, o que faz o público ter empatia com a história. “Seria ótimo se, em algum momento, o espectador se deixasse confundir com quem está na tela e, dentro disso, cada um pudesse olhar dentro de si mesmo”, diz. Segundo Ana, filmar no Brasil só reforçou a história carinho e semelhanças entre os brasileiros e os hermanos.
 
-Eu tenho um relacionamento pessoal, carinhoso e super comprometido com o Brasil desde que eu era uma menina. Por conta de férias, trabalhos e retrospectivas dos meus filmes, tive a sorte de conhecer diferentes cidades em diferentes partes do país. Mencionei o Brasil em vários dos meus filmes. Sinto-me identificada e confortável com alguns costumes e estou sempre ansiosa para voltar. A verdade é que eu tive uma experiência muito bonita nesta filmagem - revela.
 
A protagonista Mercedes Morán concorda com a diretora sobre as filmagens em Florianópolis e pretende voltar ao país. “Foi uma experiência maravilhosa, dividir a equipe, elenco, desfrutar das belas paisagens e participar de uma coprodução que fala das duas culturas enriquece o vínculo”.
 
Coprodução entre Brasil, Argentina e França, distribuição do projeto Sessão Vitrine Petrobras e produção da Campo Cine (ARG), Prodigo Films e Groch Filmes (BRA), o longa conquistou três prêmios no Karlovy Vary International Film Festival: Melhor Atriz (Mercedes Morán), Prêmio Especial do Júri e Prêmio da Crítica Internacional. O filme ainda passou por outros festivais importantes, como o Festival de Toronto, Festival de San Sebastian, London Film Festival e o Festival de Mar del Plata.  "SUEÑO FLORIANÓPOLIS" será exibido na Mostra Internacional de Cinema de SP, que acontece até o dia 31, e no Festival do Rio, de 1º a 11 de novembro.
 
Sinopse
 
Buenos Aires, Argentina, verão de 1990, Pedro (Gustavo Garzón) e Lucrécia (Mercedes Morán), separados após vinte e dois anos de casamento, decidem viajar de férias com seus dois filhos adolescentes rumo ao litoral Sul do Brasil. Motivados pelo câmbio favorável, caem na estrada em um Renault 12, sem ar-condicionado, e viajam 1.750 km até Florianópolis (Santa Catarina). Juntos, porém separados, conhecem Marco (Marco Ricca) e Larissa (Andrea Beltrão). Pouco a pouco vão descobrindo qual é o sonho de cada um.
 
Ficha Técnica
 
Direção: Ana Katz
Roteiro: Ana Katz e Daniel Katz
Produzido por: Beto Gauss, Camila Groch, Francesco Civita, Nicólas Avruj
Produção Executiva: Camila Groch, Beto Gauss, Nicolás Avruj
Uma Produção: CAMPO CINE (ARG) e PRODIGO FILMS (BRA), em coprodução com GROCH
FILMES (BRA)
Fotografia: Gustavo Biazzi
Direção de Arte: Gonzalo Delgado
Elenco Brasil: Andrea Beltrão (Larissa), Marco Ricca (Marco), Caio Horowicz (César)
Elenco Argentina: Mercedes Morán (Lucrécia), Gustavo Garzón (Pedro), Manuela Martinez
(Flor), Joaquim Garzón (Julián)
Distribuição: VITRINE FILMES (BRA)
Sales Agent Internacional: Film Factory
 
SOBRE A DIRETORA
 
ANA KATZ é uma diretora argentina formada pela Universidad del Cine de Buenos Aires. Acumula também experiências como roteirista, dramaturga e atriz. Tem filmes premiados em importantes festivais pelo mundo, como São Paulo Short Film Festival, Suncande, Rotterdam Film Festival, Habana Film Festival, Festival de Mar del Plata, Festival de San Sebastián e Festival de Cannes. Em 2012 foi convidada para mostras retrospectivas de seus filmes em Nova York (USA) e em Belo Horizonte (Brasil). Em 2013 seu projeto “Sueño Florianópolis” foi vencedor do Edital de Coprodução Brasil-Argentina, promovido pela ANCINE e INCAA. No ano de 2014 rodou seu quarto longa-metragem, “Mi amiga del Parque”, ganhador do Melhor Roteiro no Festival de Sundance, em 2017. “Sueño Florianópolis” é o quinto longa da diretora.
 
Filmografia
 
Direção / Roteiro (Longas)
“Sueño Florianópolis” (em produção)
“Mi amiga del parque” (em lançamento)
[Prêmio de melhor roteiro em Sundance 2016]
“Los Marziano” (2011)
[Competição Oficial do Festival de San Sebastián – Espanha]
“Una novia errante ” (2007)
[Seleção Un certain regard, Festival de Cannes]
“El juego de la silla” (2002)
[Premiado em festivais da Espanha, Alemanha, França e Itália]
Direção / Roteiro (Curtas)
“El Fotógrafo” (2005)
“Mujeres en Rojo: Despedida” – telefilme (2005)
“Ojalá corriera viento” (2001)
“Pantera” (1998)
“Merengue” (1995)
 
 
SOBRE A PRODIGO FILMS
 
Produtora de audiovisual reconhecida pela criação e realização em cinema, televisão e publicidade há 20 anos, tem em seu portfólio filmes premiados dentro e fora do Brasil como Estação Liberdade e A Hora e A Vez de Augusto Matraga, este último vencedor de cinco prêmios na 13ª edição do Festival do Rio , incluindo o de Melhor Filme pelo Júri Popular e Oficial.

O mais recente longa lançado, em parceria com a Netflix, é O Roubo da Taça, vencedor da categoria Vision no Festival South By Southwest, em Austin (Texas). Destaca-se também por produções de documentários, incluindo Motoboys - Vida Loca, O Dia em que o Brasil Esteve Aqui e Rio Breaks, uma coprodução internacional em parceria com o Sundance Channel. Na televisão, a Prodigo criou, escreveu, produziu e lançou Oscar Freire 279 (Multishow), duas temporadas de Até que a Morte nos Separe (A&E), duas temporadas de Ciência em Casa (NatGeo), FDP (HBO), esta última, vencedora do prêmio de Melhor Série de Televisão pela APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) em 2012; mais recentemente, Outros Tempos- Velhos (HBO), Work in Progress - Por Dentro do Balé da Cidade de São Paulo (Arte 1), Outros Tempos - Jovens (HBO) e Work In Progress - Por Dentro da OSESP (Arte 1). Atualmente a Prodigo Films produz “Coisa Mais Linda” para a Netflix e está no ar com Mundo S/A (Globo News).
 
SOBRE A GROCH FILMES
 
Fundada em 2009 pela produtora executiva Camila Groch, atuante no mercado de entretenimento e conteúdo audiovisual há 20 anos, a Groch Filmes trabalha de forma associativa com diretores, roteiristas, criadores e outras cias produtoras. Com foco no planejamento e execução de projetos autorais, é produtora associada dos premiados longas "Cheiro do Ralo" (Sundance, Festival do Rio, Mostra Internacional de São Paulo), “Invisible" (Festival Internacional de Cinema de Veneza), “Aboio” (Festival É Tudo verdade, MoMa-NY). além de cia produtora de obras para circuito das artes visuais em parceria com Fundação Bienal de São Paulo e MASP. Como provedora de serviços de produção executiva, tem em seu portfolio filmes e séries veiculados por Disney Channel, TV Cultura, HBO, Warner, Netlfix entre outros. Além do lançamento do longa “Sueño Florianópolis”, co-produzido com Argentina, atualmente desenvolve o longa documental “Balé Cego”, de Maíra Buhler e Cao Hamburger, e prepara as filmagens no Brasil do documentário “Woman”, do francês Yann Arthur Bertrand.
 
SOBRE A SESSÃO VITRINE PETROBRAS
 
Cada filme da Sessão Vitrine Petrobras terá pelo menos uma sessão diária com horário fixo, nos mesmos cinemas de mais de 20 cidades. Os filmes ficarão em cartaz por no mínimo duas semanas em cada cidade. A intenção é que uma programação mensal e um horário fixo tornem-se um referencial e criem um público cativo.
 
Em 2018, a Sessão Vitrine Petrobras estará nas seguintes cidades: Rio Branco (Cine Teatro Recreio), Maceió (Cine Arte Pajuçara), Fortaleza (Cinema do Dragão), Brasília (Cine Brasília e Espaço Itaú de Cinema Brasília), Vitória (Sesc Gloria), Goiânia (Cine Cultura Goiânia e Lumiere Bouganville 5), São Luís (Cine Lume), João Pessoa (Cine Bangue), Recife (Cine São Luíz, FUNDAJ Cinema do Museu), Teresina (Cine Teresina), Curitiba (Cineplex Batel e Cinemateca de Curitiba), Niterói (Cine Arte UFF), Rio de Janeiro (Espaço Itaú de Cinema Botafogo e Estação Net Rio), Manaus (Casarão de Ideias), Aracaju (Cine Vitória), São Paulo (Espaço Itaú de Cinema Augusta, Cinesystem Morumbi Town e CineArte), Palmas (Cine Cultura Palmas), Porto Alegre (Cine Bancários), Salvador (Espaço Itaú de Cinema Glauber Rocha), Belo Horizonte (Cine Belas Artes, Cine 104), Santos (Cinespaço Miramar), Belém (Cine Líbero Luxardo) entre outras.
 
Serviço Sessão Vitrine Petrobras:
 
Os ingressos são vendidos a preço reduzido, através da bilheteria ou “Cartão Fidelidade SESSÃO VITRINE PETROBRAS”, que poderá ser adquirido no site do projeto. Valor máximo do ingresso: R$ 12 (inteira) / R$ 6 (meia) – variando de acordo com a cidade.

Fonte: Sinny Assessoria de Imprensa.