Our social:

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

Curta! exibe ‘Continuação’, documentário sobre turnê do cantor e compositor Lenine

NO A VIDA É CURTA! DA SEMANA ESTREIA ‘CORDIAIS SAUDAÇÕES’, UMA HOMENAGEM A NOEL ROSA

“Continuação”, documentário de Rodrigo Pinto que acompanha a turnê de Lenine para o álbum “Labiata”, é a atração desta Segunda da Música, dia 15. O filme mostra o processo do cantor e compositor na criação do disco lançado em 2008. Entre viagens, shows e gravações de estúdio, o longa retrata detalhes do processo de criação do compositor e discute importantes questões como a era dos downloads e a reunião de três gerações em torno de música de Lenine.

Na Terça das Artes, dia 16, vai ao ar “Oscar Niemeyer – A Vida É Um Sopro”, que narra a trajetória do consagrado arquiteto Oscar Niemeyer e mostra como sua vida profissional se cruza com a história do Brasil. No documentário, ele conta de maneira descontraída como criou os principais projetos de sua autoria e cita marcos como a introdução da linha curva. A produção traz ainda imagens inéditas e depoimentos de nomes como José Saramago, Eduardo Galeano, Carlos Heitor Cony, Ferreira Gullar, Eric Hobsbawn, Nelson Pereira dos Santos, Chico Buarque, entre outros.

Na Quarta de Cinema, o Curta! exibe a série “Filmes Que Marcaram Época” com o episódio “O Pequeno Mundo de Don Camillo”. O capítulo investiga os bastidores do filme que impactou a sociedade italiana ao mostrar a briga pelo poder entre Peppone, prefeito comunista de uma pequena cidade rural, e o padre Don Camillo: as duas faces da Itália do final da década de 40. Filmado por Julien Duvivier no período pós Segunda Guerra, a obra foi um dos maiores sucessos cinematográficos da época, com 12 milhões de ingressos vendidos, e apresenta a sociedade italiana de forma irônica e ácida.

Ainda na Quarta, 17, a faixa A Vida é Curta! traz filmes musicais em preto e branco e a estreia do curta-metragem “Cordiais Saudações”, uma homenagem ao famoso sambista e poeta da vila Noel Rosa. Na sequência, a atração é “Bethânia Bem de Perto – A Propósito De Um Show”, que mostra a primeira apresentação da cantora no Rio de Janeiro, na boate Cangaceiro, misturando cenas de seu cotidiano com entrevistas de amigos. Para encerrar, o programa apresenta “Conversa de Botequim”, documentário sobre João da Baiana e sua relação com as raízes do samba.

“Um Sonho Intenso” será exibido na Quinta do Pensamento, dia 18, abordando com uma narrativa leve e prazerosa um tema denso: a história social e econômica do Brasil da década de 30 até hoje. O diretor José Mariani utiliza trechos de filmes, reportagens históricas e depoimentos de nomes como Maria da Conceição Tavares, Carlos Lessa, João Manuel Cardoso de Melo, Luiz Gonzaga Belluzzo, Ricardo Bielschowsky, Lena Lavinas, os sociólogos Francisco de Oliveira e Adalberto Cardoso e o historiador José Murilo de Carvalho. Figuras importantes como Getúlio Vargas e Juscelino Kubitschek ganham um outro olhar e momentos marcantes como o pós 64 passam por uma nova análise.

Sexta da Sociedade, dia 19, apresenta “Utopia e Barbárie”, de Silvio Tendler. Nomes como Dilma Roussef, Ferreira Gullar e Eduardo Galeano, todos testemunhas do pós-guerra, estão no documentário que narra importantes momentos históricos do país desde a Segunda Guerra Mundial até os dias de hoje. O diretor viajou por 15 países coletando depoimentos sobre sua geração, que tentou mudar os rumos do país seja pela luta armada ou com suas ideias.

SEGUNDA DA MÚSICA
Continuação (documentário)
A intimidade da criação do compositor brasileiro Lenine e as incertezas que a era dos downloads e do vinil trouxe para seu trabalho. A reunião de três gerações em torno de sua música. Um documentário sobre olhares, encontros, criação e tecnologia a serviço da paixão pela arte.
Diretor: Rodrigo Pinto
Duração: 71 min. Ano: 2009
Exibição: 15 de fevereiro, segunda-feira, às 22h30m
Horários alternativos: Dia 16 de fevereiro, terça-feira, às 2h30m e às 16h30m/ Dia 17 de fevereiro, quarta-feira, às 10h30m/ Dia 20 de fevereiro, sábado, às 22h30m
Classificação: Livre

TERÇA DAS ARTES
Oscar Niemeyer – A Vida é um Sopro (documentário)
“Oscar Niemeyer - A Vida É Um Sopro” é um filme que se pauta na clareza de suas linhas e na poética de suas formas, para (re)construir a história do maior ícone da Arquitetura Moderna Brasileira. Uma história indissociavelmente ligada às transformações do país neste último século. No documentário, o arquiteto conta de forma descontraída como concebeu seus principais projetos. Mostra como revolucionou a Arquitetura Moderna, com a introdução da linha curva e a exploração de novas possibilidades de utilização do concreto armado. Fala também sobre sua vida, seu ideal de uma sociedade mais justa e de questões metafísicas como a insignificância do Homem diante do Universo. A vida é um sopro é costurado por imagens de arquivo inéditas e raras e por depoimentos de personalidades como os escritores José Saramago, Eduardo Galeano, Carlos Heitor Cony, o poeta Ferreira Gullar, o historiador Eric Hobsbawn, o cineasta Nelson Pereira dos Santos, o ex-presidente de Portugal Mário Soares e o compositor Chico Buarque.
Diretor: Fabiano Piraino Maciel
Duração: 90 min. Ano: 2005
Exibição: 16 de fevereiro, terça-feira, às 22h20m
Horários alternativos: Dia 17 de fevereiro, quarta-feira, às 2h20m e às 16h20m/ Dia 18 de fevereiro, quinta-feira, às 10h20m/ Dia 20 de fevereiro, sábado, 9h
Classificação: Livre

QUARTA DE CINEMA
Sem cor, mas com muito som! O “A Vida é Curta!” da semana apresenta filmes em preto e branco que têm a música como  tema em comum  e estreia documentário sobre Noel Rosa
Nesta quarta, o A Vida é Curta! traz o tema “Música em Preto Branco” e conta com a estreia de “Cordiais Saudações”, documentário sobre o sambista e compositor Noel Rosa, com participações de Almirante, Aracy de Almeida e Maria Batista. Na sequência vai ao ar “Bethânia Bem de Perto”, um registro do primeiro show de Maria Bethânia no Rio de Janeiro, logo após ser consagrada por cantar “Carcará”. Para fechar o programa, o espectador poderá assistir “Conversa de Botequim”, que conta a história dos pioneiros do samba desde os primórdios da música popular brasileira.
Exibição: 17 de fevereiro, quarta-feira, às 20h
Horários alternativos: Dia 18 de fevereiro, quinta-feira, às 0h e às 14h/ Dia 19 de fevereiro, sexta-feira, às 8h/ Dia 20 de fevereiro, sábado, 6h
Classificação: Livre

Filmes que Marcaram Época: O Pequeno Mundo de Don Camillo (série)
Julien Duvivier filmou "O Pequeno Mundo de Don Camillo" em 1952. Logo depois da Segunda Guerra Mundial, em um vilarejo italiano em Emilia-Romagna, o padre Don Camillo e o prefeito comunista Peppone brigavam pela volta de seus eleitores. Antes unidos pela Resistência, eles tornaram-se inimigos políticos que algumas vezes se unem por causas e interesses comuns. Nesta comédia social, parte farsa, parte sátira, Julien Duvivier lançou o genial Fernandel e o fez conversar com Jesus. Com 12 milhões de ingressos vendidos, o filme fica entre os maiores sucessos do pós-guerra. Don Camillo e Peppone representam as duas faces da Itália no final da década de 40, dividida entre dois blocos principais de Católicos e Comunistas. Suas interações dramáticas, mas bem-humoradas, refletem as tensões pós guerra de reconstrução e o começo da Guerra Fria. O filme foi lançado em uma época em que a Itália passava por uma grande recuperação econômica. Em 1952, Julien Duvivier tinha 56 anos e já tinha uma longa carreira, que começou no cinema mudo. Junto com Marcel Carné e Jean Renoir, ele sintetizou o cinema francês do período entre guerras e fez várias obras-primas como "Pinga Fogo", "Camaradas" e "O Demônio da Algéria". Em 1953, filmou a segunda parte das aventuras de Don Camillo para a grande tela.
Diretor: Hubert Niogret
Duração: 52 min     Ano: 2013
Estreia: 17 de fevereiro, quarta-feira, às 21h
Horários alternativos: Dia 18 de fevereiro, quinta-feira, às 1h e às 15h/ Dia 19 de fevereiro, sexta-feira, às 9h/ Dia 21 de fevereiro, domingo, às 16h30m
Classificação: 12 anos
QUINTA DO PENSAMENTO
Um Sonho Intenso (documentário)
Relato das transformações do processo socioeconômico brasileiro pontuado por interpretações de um grupo de economistas e historiadores que tem em comum o reconhecimento de que os avanços desde 1930 até os dias atuais não foram suficientes para eliminar algumas características fundamentais do subdesenvolvimento brasileiro.
Diretor: José Mariani
Duração: 102 min. Ano: 2013 
Exibição: 18 de fevereiro, quinta-feira, às 22h
Horários alternativos: Dia 19 de fevereiro, sexta-feira, às 2h e às 16h/ Dia 20 de fevereiro, sábado, às 10h40m/ Dia 21 de fevereiro, domingo, às 22h
Classificação: Livre

SEXTA DA SOCIEDADE
Utopia e Barbárie (documentário)
Uma revisão sobre os eventos políticos e econômicos que, desde a 2ª Guerra Mundial, elevaram o risco do desaparecimento dos sonhos de igualdade, justiça e harmonia.
Diretor: Silvio Tendler
Duração: 120 min. Ano: 2009
Exibição: 19 de fevereiro, sexta-feira, às 20h
Horários alternativos: Dia 20 de fevereiro, sábado, às 0h30m/ Dia 21 de janeiro, domingo, às 4h20m/Dia 22 de fevereiro, terça-feira, às 13h30m/ Dia 23 de fevereiro, quarta-feira, às 7h30m
Classificação: Livre

Sobre o Curta!
Dedicado às artes, cultura e humanidades, o Curta! é um canal independente que acolhe a experimentação e se orgulha de ser um parceiro dos realizadores, artistas, criadores e produtores independentes. Com o compromisso de transmitir 12 horas por dia de programação nacional independente, os principais segmentos temáticos da programação são música, dança, teatro, artes visuais, meta-cinema, filosofia, literatura, história-política e sociedade.
O Curta! pode ser visto nos canais 56 da NET, 83 na GVT, 75 na Oi TV, 103 na Vivo TV e 69 na Claro TV. Siga as redes do canal nos endereços: www.facebook.com/CanalCurta, twitter.com/CanalCurta ewww.youtube.com/user/canalcurta. 

Fonte: Agência Febre/ Cláudia Rodrigues.

Imprensa (2)Trailer/Divulgação

Imprensa (3) Teaser Trailer

Popular Posts

Google+ Followers