Our social:

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

TERMINAM AS FILMAGENS DE "MINHA FAMA DE MAU", CINEBIOGRAFIA DO CANTOR ERASMO CARLOS

LONGA QUE CONTA A JUVENTUDE DO CANTOR ESTREIA NO SEGUNDO SEMESTRE DO ANO QUE VEM

Foram filmadas semana passada as últimas cenas de "Minha Fama de Mau", cinebiografia do astro Erasmo Carlos que mostra o início de sua carreira, nos anos 50 e 60. Chay Suede interpreta o cantor em sua juventude, período em que Erasmo conquistou a fama de Tremendão. A partir dos bastidores dos shows e dos programas de TV, o público vai acompanhar a amizade e parceria com Roberto Carlos (Gabriel Leone) e Wanderléa (Malu Rodrigues), a descoberta do mundo da música e da TV e a busca pelo grande amor de sua vida. A direção é de Lui Farias e a produção de Marco Altberg.

- Nós tomamos algumas liberdades criativas, trazendo para o filme muito do jeito dos atores, do gestual e falar dos jovens de hoje em dia. O que acabou atualizando o filme e aproximando-o do público adolescente e jovem – explica o diretor Lui Farias. “As fãs gritando, o colorido pop dos anos 60, o clima dos shows de auditório, está tudo lá, reconstruído a partir de muita pesquisa. Mas tem também uma informalidade, uma sensualidade que é mais do século XXI”.

Na reconstituição de época, o diretor de arte Tiago Marques encontrou um grande desafio. Apesar de ter muito material iconográfico da época e referências, foi preciso fazer adaptações e buscar uma linguagem própria para o cinema. Os shows dos programas de auditório eram transmitidos em preto e branco. Já o filme é colorido e captado com câmeras modernas para ser projetado numa tela de cinema de grandes proporções e não mais numa TV de tubo. Foi preciso dar cor e profundidade aos cenários.

“Minha Fama de Mau” tem roteiro de L.G. Bayão, Letícia Mey e do diretor Lui Farias. É uma produção da LMC LaToller com Indiana Produções e coprodução de Globo Filmes, Riofilme e Telecine. Tem distribuição da Downtown Filmes e Paris Filmes, com participação do Fundo Setorial do Audiovisual/Ancine e BNDES e a parceria da Coqueiro Verde Records.

Sinopse
O jovem Erasmo é apaixonado pelo rock´n roll de Elvis, Bill Halley e Chuck Berry. Nos passos dos ídolos, ele aprende a tocar violão e arquiteta um plano para fazer sucesso. De peito aberto, conquista a confiança de Carlos Imperial e a amizade de Roberto Carlos, com quem passa a compor uma série de canções. O sucesso vem fulminante e a vida de Erasmo se transforma: o jovem de origem humilde vira um dos maiores ídolos da música e da juventude, chegando a ter seu próprio programa de TV ao lado dos amigos Roberto Carlos e Wanderléa. O mundo, porém, passava por profundas transformações. Os acordes de uma guitarra elétrica eram vistos como sinal de alienação política e o programa passa a ser duramente atacado pela crítica e até pela classe artística. Com seu talento questionado e o novo programa cortado da grade, Erasmo enfrenta uma dura fase de ostracismo. Diante daquele novo mundo, existiria ainda lugar para um roqueiro como ele?

Fonte: Agência Febre.

Popular Posts

Google+ Followers