Our social:

quinta-feira, 24 de maio de 2018

'A NOITE DO JOGO' UMA COMÉDIA INTELIGENTE EM CARTAZ NOS CINEMAS


Estrelado por Rachel McAdams e Jason Bateman, "A noite do jogo" é uma comédia divertida e inteligente, que trabalha com a percepção da realidade, entre essência e aparência. Com roteiro assinado por Max Perez ("Aprovados"), o filme é uma produção da New Line Cinema, dirigida pela dupla de cineastas, John Francis Daley e Jonathan Goldstein, responsáveis por sucessos como "Quero Matar meu chefe" e "Férias Frustradas".
Apaixonados por jogos, Max (Jason Bateman) e Annie (Rachel McAdams) são um casal bastante competitivo, que gosta de reunir os amigos para jogar nos finais de semana. Quando Brooks (Kyle Chandler), irmão de Max, chega à cidade, ele convida todos para uma partida diferente em sua nova mansão. A proposta é uma simulação de um sequestro, em que os participantes precisam descobrir o paradeiro da vítima. Quando a encenação começa e todos parecem estar se divertindo, algo inusitado ocorre. Brooks é atacado por bandidos de verdade, na frente de todos. A partir daí, é que o filme realmente acontece. 

A narrativa é desenvolvida a partir de um eixo central, o sequestro de Brooks, mas gira em torno dos amigos de Annie e Max, ou seja, dos relacionamentos. De acordo com um dos diretores, John Francis Daley: "Era importante para nós que a plateia se interessasse por cada um dos nossos casais. Além disso, para ter as reviravoltas que as pessoas esperam de um thriller, era fundamental que cada um dos personagens principais revelasse seu próprio segredo em algum momento". E explica, "a história de cada um envolve algum tipo de amadurecimento e não há catalisador melhor para isso do que enfrentar uma situação entre a vida e a morte". 

Entretanto, o grande trunfo de "A noite do jogo" é, sem dúvida, a dobradinha de McAdams e Bateman. Os atores que já tinham trabalhado juntos em "Intrigas de Estado"(2009) adoraram a ideia de contracenarem novamente em uma comédia. Segundo o diretor Jonathan Goldstein: "Eles só tiveram dois dias de ensaio para criarem dez anos de química como um casal, mas logo encontraram uma dinâmica que parecia forte e genuína. O Max e a Annie têm uma vontade enorme de vencer. Sem controle, isso pode ser desgastante, mas os atores trouxeram tanto charme e simpatia aos papéis que fica fácil torcer por eles. A química entre os dois é inegável".

Segundo Rachel McAdams: "Nós tivemos muitas oportunidades de interagir um com o outro e eu gostei muito da comédia física. Há sets fantásticos que me fizeram dar gargalhadas enquanto lia o roteiro e ficaram ainda melhores na execução. Eu não cansava de explorá-los". Falando sobre a natureza competitiva dos personagens, a atriz responde: "Foi amor à primeira vista". E Jason Bateman interfere: "Foi amor à primeira resposta". Rachel concorda e continua: " Sim, primeira resposta. O que aproximou o Max e a Annie foi sua natureza competitiva. Isso e a capacidade de terminar as frases um do outro e aproveitar o jogo. Não demorou muito para eles perceberem que funcionavam melhor como equipe". 

Filmado como um longa de ação e suspense, "A noite do Jogo" surpreende na cinematografia, com belas sequências e uma câmera ágil, com imagens aéreas que dão um tom de simulação do real, brincando com o espectador. Já que estamos falando de jogos, as imagens externas são construídas como uma imensa maquete, o que é bastante interessante. A montagem é muito bem feita, dando ritmo e velocidade à trama. A pista de som é muito bem realizada, pontuando momentos de tensão e suspense, com uma trilha sonora composta por Cliff Martinez, de "Drive" e "O contágio". 

Todos os atores estão bem em cena e a maioria das piadas funcionam, apesar do uso de muitas situações clichês e estereótipos. Os personagens são bem arquetípicos, alguns até bastante exagerados, mas que ajudam a construir comicidade e tensão. O ator Jesse Plamons, como o sinistro policial Gary, e Billy Magnussem, como o amigo bobalhão Ryan, são os mais destacados. 

De acordo com o diretor Daley: "Jesse era perfeito para o papel, pois ele tem uma presença incrível e sabe atuar de forma contida. Ele não sai do personagem em momento algum por uma risada. Ao manter seu personagem sério, ele o deixou muito mais engraçado; ele nos deu um personagem frio, estranho e multifacetado de quem você acaba sentindo pena no final do filme". 

"A Noite do Jogo" é um longa engraçado, bonito esteticamente e com uma narrativa em camadas, misturando drama, ação e suspense, em que nada é o que realmente parece ser. Não somente os personagens participam do jogo, mas o espectador também é pego de surpresa. No elenco: Sharon Horgan, Lamorne Morris, Kylie Bunbury, Danny Huston, Chelsea Peretti e Michael C. Hall. 

Elisabete Estumano Freire.


Para saber um pouco mais do filme, confira a crítica do filme no link a seguir, do site Cabine de Cinema: http://www.cabinedecinema.com/2018/05/a-noite-do-jogo.html

* Trechos de depoimentos extraídos do Pressbook do filme, disponibilizado pela Warner Bros. e assessoria de imprensa.