Our social:

terça-feira, 24 de abril de 2018

'EX-PAJÉ', DE LUIZ BOLOGNESI, VENCE PRÊMIO DA CRÍTICA DE MELHOR DOCUMENTÁRIO NO FESTIVAL É TUDO VERDADE

 Ex-Pajé, escrito e dirigido por Luiz Bolognesi (Uma História de Amor e Fúria), venceu o prêmio Abraccine (Associação Brasileira de Críticos de Cinema)  de melhor Documentário de longa ou média-metragem da Competição Brasileira do Festival É Tudo Verdade. Em fevereiro deste ano, o filme recebeu o prêmio especial do Júri Oficial de Documentários da Mostra Panorama, no Festival de Berlim. A produção Buriti Filmes e Gullane, com distribuição da Gullane estreia dia 26 de abril.

Ex-Pajé mostra o drama contemporâneo dos povos indígenas a partir da história de Perpera, um índio Paiter Suruí que viveu até os 20 anos num grupo isolado na floresta onde se tornou pajé. Após o contato com os brancos, um pastor evangélico afirma que os atos e saberes do pajé são coisas do Diabo e Perpera passa a viver um conflito interno. Apesar de se dizer evangélico e se definir como ex-pajé, continua tendo visões dos espíritos da floresta.

SINOPSE:
Até o contato do povo Paiter Suruí com os brancos, em 1969, Perpera era um pajé poderoso. Após chegada dos brancos, um pastor evangélico afirma que pajelança é coisa do diabo e Perpera perde seu papel na tribo, passando a viver com medo dos espíritos da floresta. Mas quando a morte ronda a aldeia, o poder de falar com os espíritos pode novamente ser necessário.

FICHA TÉCNICA
Direção: 
Luiz Bolognesi
Roteiro: Luiz Bolognesi
Direção de Fotografia: Pedro J. Márquez
Elenco: Perpera Suruí, Kabena Cinta Larga, Agamenon Saruí, Kennedy Suruí (Caciquinho), Ubiratan Suruí (Bira), Mopidmore Suruí (Rone) e Arildo Gapamé Suruí.
Produtores: Caio Gullane, Fabiano Gullane, Laís Bodanzky e Luiz Bolognesi
Produção: Buriti Filmes e Gullane
Distribuição: Gullane

LUIZ BOLOGNESI - DIRETOR E ROTEIRISTA
Escreveu e dirigiu o longa-metragem de animação Uma História de Amor e Fúria” (2013), vencedor do prêmio Cristal de Melhor Longa Metragem em Annecy (França), o principal festival de animação do mundo. O filme foi exibido nos cinemas de seis continentes e também premiado nos festivais de Tóquio, Shangai, Atenas, Bordeaux, Strasbourg, Buenos Aires e pela Academia Brasileira de Cinema. Foi exibido na América Latina pela HBO e tem exibição programada na TV Globo. Como roteirista, escreveu os roteiros dos filmes Bicho de Sete Cabeças” (2001), O Mundo em Duas Voltas” (2006), “Chega de Saudade” (2007), Terra Vermelha” (2008), “As Melhores Coisas do Mundo” (2010) e “Amazônia, Planeta Verde” (2014), que receberam prêmios de melhor roteiro da Academia Brasileira de Cinema, APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte) e nos festivais de Brasília e Recife. Em 2015, desenvolveu os roteiros dos longas-metragens: Elis”, “Como Nossos Pais” e “Bingo - O Rei das Manhãs” – filme escolhido para representar o Brasil no Oscar 2018Como diretor, dirigiu o curta “Pedro e o Senhor” (1995) e os documentários Cine Mambembe, O Cinema Descobre o Brasil” (1999),“A Guerra dos Paulistas” (2002), Lutas.doc” (2011), “Educação.doc” (2014) e “Juventude Conectada” (2016). Cine Mambembe foi premiado em Nova York, Havana, Montevidéu e Gramado e Educação.doc foi exibido no Fantástico e Globo News.

BURITI FILMES
Fundada no ano de 1997 em São Paulo - Brasil, a BURITI FILMES é uma produtora de conteúdo para cinema e televisão, liderada pelos cineastas Laís Bodanzky e Luiz Bolognesi. Realizou os filmes “Como Nossos Pais”, “Uma História de Amor e Fúria”, “As Melhores Coisas do Mundo”, “Chega de Saudade”, “Bicho de Sete Cabeças”, “Cine Mambembe”, “A Guerra dos Paulistas”, “Lutas.doc”, “Mulheres Olímpicas”, “Pare Olhe Escute”, “Educação.doc” e “Juventude Conectada”. Possui mais de 120 prêmios nacionais e internacionais. Seus filmes foram exibidos nos cinemas de 6 continentes e vendidos para televisões em mais de 30 países, incluindo Canal Plus na Espanha e França, TV Arté na França e Alemanha, RAI na Itália, HBO na América Latina e TV Globo, ESPN, Globo News, Netflix e TVs Brasil, Arte 1, Canal Futura e Curta! no Brasil. Atualmente desenvolve o longa-metragem de animação “Viajantes do Bosque Encantando”, o longa-metragem de ficção “Pedro” e a série para TV “Guerras do Brasil.doc”. Recentemente fez a estreia mundial do longa de ficção “Como Nossos Pais” e atualmente prepara o lançamento do documentário “Ex-Pajé”, previsto para o 1ºsemestre de 2018.

GULLANE - PRODUTORA E DISTRIBUIDORA
Em 1996, os irmãos Caio e Fabiano Gullane fundaram a Gullane Entretenimento, hoje somando mais de 40 filmes com destaque no Brasil e no exterior,  20 séries de televisão, inúmeros especiais e documentários. “Carandiru”, “Bicho de sete cabeças”, “O ano em que meus pais saíram de férias”; a franquia “Até que a sorte nos separe”; “Que horas ela volta?”, "Como nossos pais”, "Bingo, O rei das manhãs”; as séries “Alice” (HBO), Unidade Básica (Universal) e “Carcereiros ”(TV Globo) são algumas das obras realizadas pela Gullane nos últimos anos.  
Uma produtora ativa no crescimento do audiovisual brasileiro que ancora seus projetos com os melhores talentos e parceiros do entretenimento. Sua capacidade e empenho em todas as etapas de realização a garantiu importantes coproduções internacionais e a comercialização de suas obras para mais de mais de 60 países, levando a identidade do cinema nacional mundo a fora. 
Caracterizada por sensibilizar e movimentar reflexões através de suas histórias a Gullane já acumulou mais de 500 prêmios e nomeações em sua carreira, além de ter seus projetos reconhecidos nas seleções oficiais dos festivais mais importantes do mundo como: Oscar, Cannes, Berlim,  Sundance, Toronto, Veneza e o prêmio Emmy. 
cid:image004.jpg@01D3BBC5.429BE220

Fonte: Julia Moura/ Primeiro Plano Assessoria de Imprensa.

Seguidores

Google+ Followers

Popular Posts