Our social:

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

IMAGENS EXCLUSIVAS DA ESTRÉIA DE 50 TONS DE CINZA NO FESTIVAL INTERNACIONAL DE CINEMA DE BERLIM - BERLINALE



O 65º Festival Internacional de Cinema de Berlim - Berlinale encerrou no último sábado, dia 14 de fevereiro. O evento, um dos mais importantes do cinema mundial, exibiu 23 filmes na mostra competitiva, dos quais 19 disputavam o Leão de Ouro. Os cineastas americano Darren Aronofsky e a peruana Claudia Llosa lideraram o júri internacional.

Os atores Jamie Dorman e Dakota Johnson, protagonistas do hit do momento, o filme "50 tons de Cinza", estiveram presentes na abertura do Berlinale. O filme, entretanto, não concorreu ao prêmio principal, mas causou furor entre os fãs que estavam presentes ao evento e ao lançamento em Berlim. O longa é uma adaptação do livro da escritora E. L. James, que vendeu 100 milhões de cópias em todo o globo.  Veja as fotos e o vídeo do evento. Abaixo a lista dos vencedores do Berlinale 2015.






Urso de Ouro de melhor filme: “Taxi”, Jafar Panahi (Irã)
Urso de Prata – Grande Prémio do Júri: “The Club”, Pablo Larraín (Chile)
Urso de Prata – Prêmio Alfred Bauer: “Ixcanul” Jayro Bustamante (Guatemala)
Urso de Prata no: Radu Jude, para “Aferim” (Roménia) e Malgožata Szumowska para “Body” (Polónia), ex-aequo.
Urso de Prata de Melhor Atriz: Charlotte Rampling, de “45 Anos”
Urso de Prata de Melhor Ator: Tom Courtenay, por (45 anos).
Prêmio de Melhor Primeiro Filme: “600 milhas”, de Gabriel Ripstein (México).
Urso de Prata de Melhor Roteiro: “O botão de pérola” Patricio Guzmán (Chile).
Urso de Prata de Melhor Contribuição Artística: “Victoria”, de Sebastian Schipper (Alemanha) e “Pod Electricheskimi Oblakami” (Rússia), Alexey alemão.
Urso de Ouro de Melhor Curta-Metragem: “Hosana” Na Young-kil (Coréia).
Urso de Prata de curta-metragem: “Bad no Dancing” por Joanna Arnow (EUA).
Júris independentes:
Prix ​​Critics FIPRESCI internacionais: “Taxi”, de Jafar Panahi (Irã).
Prêmio da Confederação de Arte Cinemas Essay: “Que Horas Ela Volta”, de Anna Muylaert (Brasil).
Filme homossexual Prêmio Teddy “Nasty Basty” por Sebastián Silva (EUA / Chile).Filme Prêmio Teddy homossexual (curta-metragem): “San Cristobal” por Omar Zúñiga (Chile).
Prêmio Teddy homossexual documentário: “O Novo Homem”, de Aldo Garay (Uruguai / Chile).
Ecumênico Award “botão de pérola”, de Patricio Guzman (Chile / Espanha).
“Victoria”, de Sebastian Schipper (Alemanha). “Guild” Award criação artística
Leitores Award “Berliner Morgenpost”: “Victoria”, de Sebastian Schipper (Alemanha).
Prêmio por votação do público Panorama: “Isso Horas Ela Volta”, de Anna Muylaert (Brasil).

Imprensa (2)Trailer/Divulgação

Imprensa (3) Teaser Trailer

Popular Posts

Google+ Followers